Connect with us

Notícias

Guardas Ambientais irão agilizar ações de prevenção e combate a crimes contra o ambiente

Publicado

em

Comandados pela nova Superintendência Ambiental e equipados com 30 novas viaturas, guardas ambientais irão agilizar ações de prevenção e combate a crimes contra o ambiente.

A Guarda Civil Metropolitana irá intensificar e tornar mais ágeis suas ações de proteção ambiental. A nova Superintendência Ambiental, lançada pelo prefeito Fernando Haddad nesta quarta-feira (10), irá coordenar a atuação dos guardas na prevenção e combate a crimes contra o ambiente, articulada com as secretarias do Verde e do Meio Ambiente e de Coordenação das Subprefeituras. Os trabalhos também serão agilizados com a chegada de 30 novas viaturas, equipadas para o policiamento ambiental.

“Estamos estruturando uma força-tarefa para que os subprefeitos possam acionar e os guardas tenham os meios necessários para uma ação efetiva antes que se consume o dano ambiental. Porque depois de consumado o crime ambiental, é muito difícil reparar o dano à natureza”, afirmou Haddad. Entre as ações de proteção do ambiente, Haddad mencionou também o desenvolvimento do Pólo de Ecoturismo de Parelheiros.

A Guarda Ambiental tem um efetivo de 239 guardas e atua em parques e áreas de proteção de ambiental da capital. Esse efetivo passará a ficar diretamente subordinado à nova superintendência. Inicialmente serão três sedes: Anhanguera Cantareira, Capivari-Monos e Carmo-Tietê.

Antes da criação da superintendência, estes guardas eram alocados nas inspetorias de 18 subprefeituras das regiões norte, sul e leste. “Nós detectamos que nós precisávamos melhorar o tempo de resposta nas nossas ações. Isso porque nas questões ambientais algumas horas podem significar muito no sucesso ou no fracasso das nossas operações”, disse o secretário Roberto Porto (Segurança Urbana).

Fotos Crédito: Cesar Ogata

As 30 novas viaturas são caminhonetes com tração nas quatro rodas, especialmente equipadas e adesivadas para atuação da Guarda Ambiental. Segundo Gilson Menezes, comandante geral da GCM, 10 veículos atenderão a zona leste, oito atuarão na noroeste e 12 protegerão a região sul. O investimento nas viaturas é de R$ 5,7 milhões, em três anos.

Uma das caminhonetes será especialmente preparada para o resgate de animais silvestres e ficará disponível no Parque do Ibirapuera, na Divisão Técnica de Medicina Veterinária e Manejo da Fauna Silvestre, para atender este tipo de ocorrência. Denúncias e chamados poderão ser feitos através da central de atendimento 153 da GCM.

De acordo com ocoordenador do Programa de Proteção Ambiental, inspetor Roberto Crisóstomo, as operações mais comuns da Guarda Ambiental envolvem invasão de áreas de proteção, ocupação de áreas de risco e proteção de animais silvestres. “Estes guardas têm muita experiência na mediação de conflitos, oferecem orientações e têm formação especial. Pelo policiamento comunitário, o guarda tem conhecimento da área e pode também fazer um trabalho preventivo. Temos também equipamentos específicos, como o cambão (equipamento usado para reboque de veículos) e caixas para transporte de animais, além de trabalharmos em parceria com biólogos e veterinários”, explica o inspetor.

As operações da nova superintendência serão articuladas a outras áreas da Prefeitura por meio de uma Operação Integrada de Defesa Ambiental. “Foi criado um programa que integra três secretarias: a de Segurança Urbana, Verde e Meio Ambiente e Coordenação as Subprefeituras, porque estas secretarias têm a tarefa de chegar às áreas que precisam ser protegidas”, explicou a vice-prefeita Nádia Campeão. Também participaram do lançamento do programa os secretários Ricardo Teixeira (Coordenação das Subprefeituras), Wanderley do Nascimento (Verde e Meio Ambiente), Nunzio Briguglio (Comunicação) e Chico Macena (Governo).

FONTE: www.prefeitura.sp.gov.br

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias

Equipes ROMU da Guarda Municipal são reativadas

Publicado

em

  • A Ronda Ostensiva Municipal (ROMU) foi reativada. Nesta sexta-feira, 30 de julho, o prefeito Marquinhos e o secretário de administração Fred Reule estiveram na cerimônia de entrega de chaves, que aconteceu na Praça da Matriz nesta tarde.

Ao todo, são 16 integrantes, divididos em 4 equipes alternadas por período. A ROMU é uma equipe especializada para agir em situações de maiores gravidades e volta a atuar em Rancharia depois da sua regularização e nova padronização das viaturas.

Fonte: http://rancharia.sp.gov.br/noticias/?i=1720&c=1

Continue Lendo

Notícias

Ji-Paraná vai debater em Audiência Pública criação da Guarda Municipal

Publicado

em

#AvisoaosNavegantes

No mês de setembro nossa agenda está super lotada, mas em Rondônia, o trabalho que estamos realizando começa a ganhar corpo. Recentemente estivemos em Ji-Paraná, cidade deste estado, onde teremos no próximo dia 10 de setembro uma Audiência Pública para tratar da criação da Guarda Municipal, iniciativa do autor do anteprojeto, Vereador Marcelo Lemos que há anos defende esta propositura.

Isso demonstra que nosso trabalho, realizado pela ONG SOS SEGURANÇA DÁ VIDA pelas corajosas Rosilene e Jocemara vem dando um grande resultado.

Diante dos fatos parabenizamos ambas pela LUTA que vem enfrentando para mudar a Guarda de Trânsito de Ariquemes que só vem prejudicando a população local há anos, com multas e mais MULTAS diariamente, parabenizamos também o visionario nobre vereador Marcelo Lemos por esta iniciativa brilhante.

#Naval

Audiência pública sobre Guarda Municipal tem nova data

Na opinião de Marcelo Lemos, a implantação da Guarda Municipal em Ji-Paraná é um dos pontos que buscam contribuir com a Segurança Pública, já que com o crescimento da cidade, é crescente também o índice de criminalidade.

A nova data para a audiência pública sobre a implantação da Guarda Municipal em Ji-Paraná é o dia 10 de setembro. A data foi definida pelo vereador Marcelo Lemos (PSD), que é o autor do anteprojeto que visa à implantação da Guarda no município. Autoridades de todo Estado estão sendo convidadas a participar do evento, que é aberto ainda a toda comunidade e está programado para as 19 horas do próximo dia 10 no auditório da Câmara de Vereadores de Ji-Paraná.

Para a implantação da Guarda Municipal, Marcelo lemos tem buscado informações com órgãos estaduais e de outros municípios.

Na opinião de Marcelo Lemos, a implantação da Guarda Municipal em Ji-Paraná é um dos pontos que buscam contribuir com a Segurança Pública, já que com o crescimento da cidade, é crescente também o índice de criminalidade.

Há meses trabalhando na elaboração deste anteprojeto, o Vereador diz que por todos os órgãos por onde passa tem incentivo a dar continuidade à implantação da Guarda Municipal em Ji-Paraná, já que será uma força a mais no combate ao crime.

Fonte: https://www.jiparana.ro.leg.br/institucional/noticias/audiencia-publica-sobre-guarda-municipal-tem-nova-data

Continue Lendo

Notícias

Segurança Pública é tema de seminário em Cacoal

Publicado

em

[tps_footer]

[/tps_footer]

#AvisoaosNavegantes

A Câmara Municipal de Cacoal, através do primeiro secretário da mesa diretiva, vereador Edimar Kapiche (PSDB), promoveu o III Seminário de Guardas Municipais e Segurança Pública.

O tema desta edição foi, ” Violência requer prevenção, Guardas Municipais já!”.

Essa bandeira da criação da guarda municipal, é levantada há vários anos pelo vereador Edimar Kapiche

Estiveram presentes na solenidade os vereadores Zivan Almeida (PSC), e Dr. Paulo Henrique (PTB), a diretoria do Sinsemuc, vigilantes do município, além de guardas municipais de São Paulo e Ariquemes.

A Câmara está de portas abertas para discutir o tema.

Fonte: https://www.cacoal.ro.leg.br/weblineprimeirapagina.php?pag=T1RVPU9EZz1PV0k9T1RrPU9UUT1OMlE9T0dNPU9XST1PR1U9T0dNPU9HWT1PV009T1dZPQ%3D%3D&id=2289

Continue Lendo
Publicidade

Mais Populares

Guardas Municipais - Todos os direitos reservados © 2021 | Desenvolvido por Melhores Templates